Outros papos

Published on setembro 3rd, 2018 | by Marcela

1

Entrevista: Carina Rissi revela inspirações e quais livros ganharão spin-offs

A autora Carina Rissi é um fenômeno: já vendeu mais de 400 mil exemplares da série “Perdida” e de seus outros best-sellers. Com a responsabilidade, portanto, de quem movimenta as livrarias, ela trabalha, no momento, em mais um spin-off de “Procura-se um marido” e se prepara para ver suas histórias transformadas em filmes e séries. Nessa entrevista feita com apoio de fãs, Carina responde perguntas inspiradas em suas obras, revela suas inspirações, os livros surpreendentes que gosta e como andam as produções audiovisuais baseadas em seus livros.

Você encontrou o celular da Sofia (da série “Perdida”) e ele está (de bom humor) disposto a te deixar escolher: para qual fato histórico ou evento cultural você viajaria no tempo para passar um dia?

Só posso escolher um? Ai, que difícil! Tem tanta coisa que eu queria fazer! Adoraria poder dar uma voltinha pela biblioteca de Alexandria. Ou visitar um dos saraus organizados por Machado de Assis e não sair de lá sem que ele me respondesse se a Capitu traiu o Bentinho ou não. E, sem dúvida alguma, tomar um chá com Jane Austen, vê-la escrever meus livros favoritos em tempo real, caminhar de braço dado com ela por Hampshire (porque eu tenho certeza de que seríamos grandes amigas hahaha).

Se você soubesse que um anúncio no jornal traria exatamente o que você precisa ou algo melhor (vide o Max, do livro “Procura-se um marido”), o que você pediria? “Procura-se…”?

 “…um pouco de serenidade”. Sofro demais com a ansiedade. Conseguir encarar os problemas com mais leveza seria incrível!

Mas não foi só o Max que ganhou o coração de leitores. Com tantos personagens homens maravilhosos, gostaríamos de saber qual é seu preferido. E de onde vem tanta inspiração?

Nada em específico me inspira, e ao mesmo tempo tudo me inspira. Pode ser um eletrodoméstico quebrado (“Procura-se um marido”), falta de energia elétrica (“Perdida”), uma música (“Quando a noite cai”), fazer uma pesquisa sobre mitologia celta e acabar em um site de horóscopo sem ter a menor ideia de como cheguei lá (“No mundo da Luna”). No fim das contas, acho que a vida comum (e tão extraordinária) é que move minha cabeça.

As leitoras Naiala Torquato e Carla Ribeiro querem saber quais histórias já conhecidas podem ganhar continuações ou spin-offs. A torcida delas é, especialmente, por uma sequência de “Quando a noite cai” e o casamento de Alicia e Max, de “Procura-se um marido”.

Ah, meu Deus, eu fico tão feliz com esta pergunta! “Quando a noite cai” foi um trabalho diferente dos demais, mais fantasia e conto de fadas que meus livros anteriores, e eu não sabia como seria recebido pelos leitores. Por isso ficou trancado no meu computador por mais de três anos antes de eu criar coragem e apresentá-lo aos leitores. Por sorte, eles amaram esse universo tanto quanto eu, e aí os dois spin-offs que eu planejei vão acontecer. Em um deles vou contar a história da Aisla (irmã da Briana, a protagonista de “Quando a noite cai”), e no segundo vou falar da Fionna (a garota irlandesa com um passado familiar cheio de mistérios e lendas). Claro que veremos um pouco mais da Bri e do Gael nos dois livros.

Quanto ao casamento de Alicia e Max, não aconteceu em “Mentira perfeita”, eu sei. Também fiquei frustrada. Mas, sabe, meu próximo livro será no universo de “Procura-se um marido”. A Melissa trabalha na agência de eventos como assistente e ‘tá’ sonhando em ser a produtora da Allure desde que o cargo ficou vago. Mel tem certeza de que vai conseguir subir de posição depois que uma famosa socialite a procura para cuidar do seu casamento. Uma pena que a Mel vá descobrir que o noivo da garota é o cara que ela pensava ser seu namorado…  Ah, e a Mel também é a responsável pela organização do casamento da Alicia e do Max, então, quem sabe dessa vez… 

Seus livros sempre conseguem nos surpreender. Por isso, a leitora Mariana Costa queria te conhecer mais como leitora e saber: o que ninguém imaginaria, mas você tem na sua estante de livros?

 Acho que ninguém imagina que eu tenha uma quedona por ficção científica. Adoro! Douglas Adams é um dos meus autores favoritos.

 E para finalizar, a leitora Daniele Arcanjo está curiosa: como andam as produções audiovisuais baseadas nos seus livros? (É claro que a gente faz coro).

 Estão caminhando bem, acho. A adaptação de “Perdida” está mais adiantada, e por motivos de contrato não posso falar muito ainda. O que posso dizer é que o filme é da Filmland em parceria com a Warner, e estão pensando muito grande! Acredito que até o fim do ano teremos muitas notícias. Ah, a Filmland também adquiriu os direitos de “Menina Veneno”.

A responsável pela adaptação de “Procura-se um marido” é a Framboesa Filmes, em parceria com a Fox. Está na concepção de roteiro, assinado pela fofa e talentosa Angélica Lopes. Mal posso esperar para ver a Alicia aprontando nas telonas.

Já “No mundo da Luna” está nas mãos da Moonshoot. O projeto foi desenvolvido no formato série de tv. Dá ‘pra’ imaginar como eu estou ansiosa para as coisas acontecerem, né?

Conforme mais novidades forem surgindo, eu as divido com vocês. Prometo!

A gente vai cobrar, Carina 😉

Tags: ,


About the Author



One Response to Entrevista: Carina Rissi revela inspirações e quais livros ganharão spin-offs

  1. Pingback: A caminho do passado ou do futuro: livros com viagens no tempo – Cuida Bem do Meu Livro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑

Gostou do nosso conteúdo? Nos acompanhe nas redes sociais!

  • Facebook
  • Instagram
  • SOCIALICON