Livro em sete dias

Published on outubro 11th, 2018 | by Ana

0

‘P.S.: Ainda amo você’, de Jenny Han

E aí, você já leu a série “Para todos os garotos” da Jenny Han? Nós sim, todinha. São o primeiro livro e parte do segundo (as 100 primeiras páginas, talvez) a base do roteiro do filme “Para todos os garotos que já amei”, original da Netflix que fez o maior sucesso desde o seu lançamento, no mês passado.

Estamos publicamos aos poucos as resenhas dos três livros aqui no Cuida bem. E nosso TBT de hoje é sobre o segundo volume, “P.S.: Ainda amo você”. Recomendamos a leitura da resenha apenas para quem leu o primeiro livro.

Sinopse: Lara Jean sempre teve uma vida amorosa muito movimentada, pelo menos na cabeça dela. Para cada garoto por quem se apaixonou e desapaixonou platonicamente, ela escreveu uma bela carta de despedida. Cartas muito dela, muito pessoais, que de repente e sem explicação foram parar nas mãos dos destinatários. Em “Para todos os garotos que já amei”, Lara Jean não fazia ideia de como sair dessa enrascada, muito menos sabia que o namoro de mentirinha com Peter Kavinsky se transformaria em algo mais. Agora, em “P.S.: Ainda amo você”, Lara Jean tem que aprender como é estar em um relacionamento que, pela primeira vez, não é de faz de conta. E quando ela parece estar conseguindo, um garoto do passado cai de paraquedas bem no meio de tudo, e os sentimentos de Lara por ele também retornam. Uma história delicada e comovente que vai mostrar que se apaixonar é a parte fácil: emocionante mesmo é o que vem depois.

Julgamos o livro pelo título e pela capa

Ana: As capas da série conversam entre si, mas não são engessadas de forma chata. Gosto da identidade.

Marcela: Super fofos. Assim como no primeiro volume da série.

Observação sobre o autora:

Ana: Me apaixonei pela Jenny Han em “Para todos os garotos que já amei”. Ao escrever para adolescentes, ela sabe divertir e comover, sem subestimar os leitores. O livro tem camadas a serem exploradas, sugestões nas entrelinhas e bonitas reflexões sobre relacionamentos.

Marcela: o estilo da autora continua maravilhoso no segundo livro da série. Um dos pontos fortes é criar personagens secundários muito carismáticos e que deixam a história muito mais interessante.

Protagonista

Ana: Lara Jean continua crível e incrível, mas minha empatia ainda conseguiu crescer neste livro.

Marcela: Lara Jean está aprendendo a se relacionar de verdade. Achei válido ela ter suas inseguranças e tentar se descobrir. Além disso, acho normal que ela tenha ficado balançada quando o maravilhoso novo garoto aparece. Ela continua a ser a mesma, espontânea e com qualidades e defeitos totalmente reais.

Coadjuvantes

Ana: Minhas impressões com quase todos os coadjuvantes já conhecidos deste universo continuam as mesmas. Foi bom reencontrá-los. O Peter é o ponto fora da curva, pois me chateou bastante neste livro. Novos personagens são alguns idosos do lar onde Lara Jean passa a fazer serviço comunitário: divertidos, mas não chegam a roubar nenhuma cena. Isso quem faz é o tal novo garoto que a sinopse anuncia. Com certeza era uma tarefa difícil construir um rival a altura de Peter, e a autora conseguiu.

Marcela: Peter K foi extremamente irritante em diversos trechos desse livro. A insegurança de Lara em relação à ex-namorada dele foi justificada por ele se manter afastado em diversos momentos. Ainda assim, ele é um dos maiores crushes literários. O novo garoto é um completo fofo e me arrancou muitos suspiros. Adorei a amizade dele e da Lara desde a troca de correspondências. Stormy roubou a cena em vários trechos e, sem dúvidas, Kitty permanece a rainha do meu coração.

Trama

Ana: “P.S.: Ainda amo você” tem muitas tramas. De monotonia, ninguém pode reclamar. Mas como não necessariamente todas duram pelo livro inteiro, eu consigo gostar muito de capítulos (e fases) do livro, e desgostar de de forma geral do caminho traçado para o romance. Acho que a autora pesou um pouco a mão na desconstrução de perfis e sentimentos, e me frustrou.

Marcela: Depois daquele final do primeiro livro, esta sequência era totalmente necessária. Peter decepcionou e perdeu grande parte do charme por se afastado em alguns momentos importantes. Fora isso, esta história traz bons momentos, trechos que dão aquele quentinho no coração, personagens incríveis e relações ótimas de amizade e familiares.

Ana, de novo: Para falar que eu tinha amado o final do primeiro livro e, por mim, a história poderia ter terminado daquele jeito. Estava tranquilinha com isso (haha).

Ponto forte

Ana: O ritmo da autora, Jenny Han. É realmente muito fácil ler o que ela escreve.

Marcela: Kitty.

Um livro para

Ana: não deixar de ler, apesar das minhas reclamações, pois… tcham tcham tchamram: a terceira obra faz tudo valer a pena. É incrível esta série.

Marcela: matar a saudade dos personagens.

Tags: , , , , , , , ,


About the Author



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑

Gostou do nosso conteúdo? Nos acompanhe nas redes sociais!

  • Facebook
  • Instagram
  • SOCIALICON