Livro em sete dias

Published on outubro 15th, 2018 | by Marcela

0

‘Um beijo inesquecível’, de Julia Quinn

Em uma semana conturbada, eu só queria uma leitura leve e divertida. O sétimo livro da série os Bridgertons, “Um beijo inesquecível”, foi o escolhido. Com protagonistas atrevidos e divertidos, a história mantém o mesmo estilo dos volumes anteriores. Com certeza, vou sentir falta da família após a leitura do próximo e último livro.

Sinopse: Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente.  Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga. Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele. Nessa tarefa, primeiro os dois se veem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro… e que não há nada de tão simples – e de tão complicado – quanto um beijo. 

Julgamos o livro pelo título e pela capa: Continuo sem gostar das capas, mas não implico tanto mais, pois me acostumei.

Sobre a autora: Julia Quinn (quase) acabou com o meu (feio) preconceito contra romances de época. A autora desenvolve histórias cativantes, leves e boas para sair de uma ressaca literária (ou política..rs).

Protagonistas: Adorei o casal principal. Hyancinth é charmosa, teimosa e está longe de ser considerada uma esposa ideal para os padrões da época. Sua sede por aventuras e suas respostas rápidas também são boas qualidades. Gareth e sua relação fofa com a avó de personalidade difícil também me conquistou desde o início.

Coadjuvantes: Lady Danbury garante ótimos momentos, assim como Violet e toda a família Bridgerton.

Trama: Eu que nunca tinha lido romances de época me pego presa às histórias da família Bridgerton. Nesse exemplar, a amizade e o amor foram construídos de uma maneira bem legal. Na minha opinião, uma das sequências mais divertidas. Adorei a ironia de Hyacinth e Lady Danbury implicarem com diversos clichês de romances.

Ponto forte: sempre Violet, uma mãezona.

Um livro para: ler rapidinho, em uma tarde chuvosa de domingo.

Tags: , ,


About the Author



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑

Gostou do nosso conteúdo? Nos acompanhe nas redes sociais!

  • Facebook
  • Instagram
  • SOCIALICON